O Essencial de Hartley

Hoje: 27-09-2021

Página escrita por Rubem Queiroz Cobra
Site original: www.cobra.pages.nom.br

David Hartley (1705-1757), filósofo britânico nascido em Armley (agora parte de Leeds), Yorkshire, e educado no Christ College, University of Cambridge. Hartley estudou primeiro para uma vida religiosa, mas por discordar de alguns pontos do credo oficial da Igreja da Inglaterra, trocou seu caminho pela prática médica. Trabalhou como médico em Newark, Bury Saint Edmunds, em Londres e Bath, onde morreu.

O trabalho mais importante de Hartley, Observações sobre o homem, sua estrutura, papel e expectativas (2 volumes, 1749), Embora alguns pensadores antes dele, incluindo os filósofos ingleses John Locke e David Hume, tenham estabelecido o princípio de associação para explicar alguns dos processos e conteúdos mentais mais notáveis, foi dele a primeira tentativa de explicar todos os fenômenos da mente através da teoria da associação.

Hartley dispostos suas idéias em uma nova forma de compreensão. Como eles, ele considerou a mente uma tabula rasa, uma folha em branco, antes da experiência da sensação, mas ampliou as leis do crescimento mental, mediante associações, até incluir não somente a memória (como aqueles outros haviam feito) mas também a imaginação, razão e as emoções. Ele argumentou que as emoções adultas ou evoluídas eram o produto de sentimentos elementares unidos por laços novos, e davam origem a emoções complexas, nos termos da lei geral de contiguidade (que se supunha reger as associações).

Outra das principais teorias Hartley foi a natureza física da sensação, tirada do Óptica (1704), do cientista inglês Sir Isaac Newton. Hartley argumentou que qualquer sensação do mundo exterior provocava uma vibração no nervo afetado, produzindo as vibrações correspondentes na substância cerebral, Supunha que os impulsos enviados do cérebro para os músculos agiam da mesma maneira.

Rubem Queiroz Cobra

Página lançada em 31-01-2011.

Direitos reservados.
Para citar este texto: Cobra, Rubem Q. – O essencial de Hartley. Site www.cobra.pages.nom.br, Internet, Brasília, 2011.