O Essencial de De Tarde

Hoje: 20-09-2021

Página escrita por Rubem Queiroz Cobra
Site original: www.cobra.pages.nom.br

Gabriel de Tarde (1843-1904), psicólogo social francês e criminologista, nascido em Sarlat (Dordonha). Depois de trabalhar como um juiz provincial do governo francês em 1894 foi nomeado diretor de Estatística Criminal do Ministério da Justiça de seu país. Em 1900 tornou-se professor de filosofia moderna no Collège de France. Em seu trabalhado Criminalidade comparada (1886), Tarde crítica, o reducionismo biológico do criminologista italiano Cesare Lombroso e expõe sua teoria de que as causas do crime são essencialmente sociais.

Em sua filosofia social o progresso histórico é o resultado do conflito entre os membros inovadores e conservadores da sociedade. De Tarde identificou três fases recorrentes do desenvolvimento social, a repetição, a oposição e a adaptação. Entre seus trabalhos estão As Leis da Imitação (1890); A lógica social (1895) e A oposição universal (1897).

Rubem Queiroz Cobra

Página lançada em 31-01-2011.

Direitos reservados.
Para citar este texto: Cobra, Rubem Q. – O essencial de De Tarde. Site www.cobra.pages.nom.br, Internet, Brasília, 2011.