Vultos e episódios da Época Moderna

Para retornar
à página de
COBRA PAGES
em que estava,
use a seta de
volta do seu
navegador

Hortensius. Nascido em Delft, em 1605, falecido em Leyden, a 7 de agosto de 1639, Holanda, viveu apenas 34 anos. Estudou em Leyden matemática, com Beeckman e Snel e interessou-se por observações astronômicas e sistemas óticos. Em 1634, lecionou matemática no então recém fundado Atheneum de Amsterdã; e também ótica e navegação, respectivamente em 1635 e 1637.

Dedicou um trabalho de 1631 a Abraham van der Meer, senador da Assembléia dos Estados Gerais da Holanda, e suas aulas de ótica em 1635 ao nobre polonês Rozdrazewsky.

Hortensius desenvolveu um método para medir os diâmetros dos planetas baseados na medição do ângulo visual que o seu telescópio abrangia. Em 1638 foi membro da comissão que discutia com Galileu um método para a determinação da longitude visando um dos satélites de Júpiter. Correspondeu com Descartes, Mersenne, Gassendi, Huygens, e Galileu, e outros astrônomos e matemáticos de sua época. Foi designado professor da teoria de Copérnico em 1639, em Leyden, mas faleceu em seguida.

R.Q.Cobra
Doutor em Geologia
e bacharel em Filosofia.
1997

Para citar este texto: Cobra, Rubem Queiroz - NOTAS: Vultos e episódios da Época Moderna. Site www.cobra.pages.nom.br, INTERNET, Brasília, 1997 ("www.geocities.com/cobra_pages" é "Mirror Site" de www.cobra.pages.nom.br)